sexta-feira, outubro 08, 2004

O Piriquito Não Canta Mas Toca... C#1

Fica aqui mais uma das muitas cronicas publicadas na primeira (ou segunda) versão do Canta Piriquito Canta. Esta crónica era assinada por filipa no seu espaço "O Piriquito Não Canta Mas Toca....". Era a cronica #1 e foi publicada a 15 de Julho de 2002.

Hoje, acordei com arrepios de frio e tudo à minha volta estava coberto por gelo. Todo o meu corpo estava branco e inerte e as veias e os lábios roxos. Uns fios estavam amarrados aos meus pulsos e tornozelos. De repente, puxaram por um deles, ora por outro e puseram-me a mexer. Iam-me manobrando quando ouvi umas gargalhadas histéricas. Levaram-me como uma marioneta para uma fogueira onde me descongelaram. Em meu redor estavam dezenas de marionetas, algumas das quais se divertiam comigo e outras simplesmente olhavam para mim com ódio. Uma falou. Todas aquelas marionetas tinham ganho vida e revoltaram-se contra os humanos, aqueles seres que sempre as manipularam. Eu fui a primeira vítima daqueles bonecos revoltados, cuja arma era o gelo que nos impedia de nos movimentarmos. Tinham como plano atacar o resto do planeta. Talvez eu venha a ser a protagonista do seu primeiro espectáculo, já que fui a primeira a ser transformada e capturada.