sexta-feira, outubro 08, 2004

O Piriquito Canta Como Pode... C#7

Fica aqui uma das muitas cronicas publicadas na primeira (ou segunda) versão do Canta Piriquito Canta. Esta crónica era assinada pelo spiff (na altura sob o nome n27) no seu espaço "O Piriquito Canta Como Pode...". Era a cronica #7 e foi publicada a 16 de Dezembro de 2002.

Como ser um "apanhador de balas"

Agora que se está aproximar o natal, e que chegam os serões em família, nada melhor que uns truquesitos de magia para passar o serão sem estar tudo calado a olhar para a televisão ou a jogar monopólio.
Existem vários truques simples e que até podem impressionar, mas nenhum é tão espectacular como este. Se conseguirem fazer bastante bem até podem ganhar um dinheirito com isto!

O teu feito consiste no seguinte:
Um dos assistentes mostra um copo com duas balas ao público e pede a duas pessoas da assistência para as marcar com uma pequena incisão. De seguida pede a outros 2 elementos do público para as carregar nas carabinas. Os outros 2 assistentes pegam nas carabinas e apontam-nas na tua direcção. Tu, depois de te concentrares dás ordem para eles dispararem, quando eles dispararem, apanhas as balas com os dentes e cospe-las para um prato. O assistente leva as balas ao público para mostrar que são as balas que tem a marca.

Aqui está a lista de material que vão precisar:

  • 2 Carabinas;
  • 6 Balas em cilindro de chumbo;
  • 1 Prato;
  • 1 Copo com um fundo falso;
  • 3 Assistentes;

Vamos então começar!

As carabinas tem que ser de carregar pela boca e ter um tubo em aço por debaixo do cano onde se possa alojar a vareta quando não em uso. Vai ser este tubo da vareta que, carregado de pólvora seca, vai disparar, não o cano verdadeiro.
Mas agora é que vamos a parte mais engenhosa do nosso truque. Marcam-se quatro das seis balas. Põe-se duas delas no fundo falso do copo. As outras duas balas marcadas esconde-las na boca. Um dos teus assistentes põe as balas que não estão marcadas no copo (por cima do fundo falso) e leva as ao público para que dois dos elementos do público as marquem com um incisão. O mesmo assistente pede a outros dois elementos do público para carregarem as carabinas, dando-lhe as balas que estão no fundo falso (são estas que vão ser disparadas).
Os outros dois assistentes apontam as carabinas para ti e disparam. Quando eles dispararem, tu cospes as balas para um prato que tens na mão. De seguida mostras as balas aos dois elementos que estão no palco (os que carregaram as carabinas), que confirmam que as balas tem as marcas que eles viram. O outro assistente punha as balas no copo e leva-as à plateia. Accionando novamente o fundo falso, mostra as balas que foram marcadas pelos membros do publico, aos respectivos marcadores que irão confirmar que são as mesmas balas.

Agora tens a plateia a teus pés!