sexta-feira, outubro 22, 2004

O Piriquito Canta aos Berros... C#2

Fica aqui mais uma das muitas cronicas publicadas na primeira (ou segunda) versão do Canta Piriquito Canta. Esta crónica era assinada por ana no seu espaço "O Piriquito Canta as Berros....". Era a cronica #2 e foi publicada a 3 de Agosto de 2002.

SURPRENDENTES CABEÇAS

As cabeças são uma das coisas que a maioria dos seres humanos vê, todos os dias, ao longo da vida.
Ao andar na rua passamos sempre por pessoas; podemos apreciar umas pernas bonitas, uns seios bem dimensionados que apontam para nós, um bom rabo que ultrapassa a categoria de “traseiras”, enfim, dependendo dos gostos pessoais, podemos reparar nuns tornozelos bem delineados, num umbigo ornamentado, nuns cotovelos hidratados... Mas é praticamente inevitável todos nós olharmos para as cabeças que nos rodeiam; de frente, por trás, dos lados...
Em menor quantidade, principalmente nos meios urbanos, temos também à disposição do nosso olhar as cabeças dos animais. Mas nessas reparamos menos, por várias razões: a maioria de nós não pensa nos bichos como potenciais parceiros sexuais ou amigos para longas conversas; estas cabeças não se encontram normalmente ao nível dos nosso olhos; alguns animais são muito pequenos, o que implica que as suas cabeças sejam ainda mais pequenas, dificultando a sua observação; outros ainda são muito rápidos e escapam à nossa atenção.
Vou portanto limitar o objecto da minha dissertação às cabeças humanas.



Ouvi há tempos falar em Tsantsa. Soube que os Índios Jívaro, tribos da América do sul, praticavam um ritual que consistia em encolher a cabeça do inimigo morto através de misturas de ervas, num processo que chegava a durar seis dias; a cerimónia tinha como resultado um troféu de guerra com poder mágico.




O assunto interessou-me, e com tantas cabeças na minha cabeça, não pude deixar de procurar mais sobre o tema. A minha curiosidade estava quase satisfeita, mas por acaso, descobri, surpreendida, que há pouco tempo alguém retomou o encolher de cabeças!
A ideia partiu (mais uma surpresa!) de um português que se encontrava espiritualmente perdido no sul do Equador no ano de 1979. Aristides Valente Malaquias, na altura com 21 anos, era um jovem com uma inteligência acima da média e possuía conhecimentos vastos, especialmente nas áreas das Ciências Ocultas e da Psicologia do Trabalho. Em constante busca do sentido da sua vida, abandonara o mundo ocidental numa peregrinação para muitos absurda.
Malaquias tinha um gosto especial por coisas pequeninas, e as cabeças tsantsa encantaram-no. Começou a pesquisar sobre o assunto, inicialmente apenas por curiosidade, mas numa noite de lua cheia em que sofria de indigestão, uma ideia brilhante iluminou a sua cabeça.
Passados poucos dias partiu; percorreu bibliotecas e universidades em vários países, no seu regresso a Portugal; falou com especialistas, descobriu a internet. Malaquias conseguiu aplicar o processo a si mesmo, tendo regressado vivo e com a sua cabeça bastante encolhida.
É natural que nunca tenham ouvido falar em Valente Malaquias; uma vez que não consegue responder a todas as (imensas) propostas de trabalho que lhe oferecem, não publicita aquilo que faz.
Malaquias estabeleceu-se numa pequena aldeia do nordeste português, e desde 1997 tratam-no por Doutor. É procurado por gente de todo o país e até por estrangeiros, porque Malaquias consegue tratar, sem dor e sem recorrer a qualquer produto químico, o flagelo que ainda hoje tanto nos desespera: as lombrigas.
Já tive o prazer de assistir a tratamentos do Dr. Valente Malaquias e fiquei fascinada: ele introduz a sua minúscula cabeça pelo anus do doente, e em sessões que vão de 20 a 45 minutos, devora todas as lombrigas que estão no interior. Quanto a ele, não é depois atacado por elas, uma vez que as mastiga muito bem antes de engolir.
Para proteger a privacidade dos doentes, Malaquias não quis que eu publicasse fotografias com nenhum deles. Mas permitiu que partilhe convosco a imagem seguinte, que se refere ao primeiro tratamento que infligiu a si próprio. Já agora, reparem na agilidade do homem!...

2 Comments:

At 12:37 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Hello. Alone on Valentine's Day? Adult Chat & Love Try to find partner in your area!
Enjoy

 
At 9:00 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Hi all...
It's a little sex for health...
Welcome to sexy teens | movie pages | picture pages | webcam movie | adult friend finder.
Here pages devoted to health are published.
It is the large search robot, which can help to receive this or that information and as to get this or that goods!
Tramadol | Phentermine | Buy Xanax | Xanax and all that is necessary.
See you soon!

 

Enviar um comentário

<< Home